A Garota do Calendário: Janeiro, Fevereiro e Março (COM SPOILERS!)


Sobre a autora:

Audrey Carlan escreve histórias de amor criadas para proporcionar aos leitores uma experiência sexy e romântica. Além de A Garota do Calendário, ela é autora das séries Falling e Trinity. Seus livros já figuraram nas listas de mais vendidos de jornais como New York Times, Washington Street Journal e USA Today. Audrey mora na Califórnia com o marido e dois filhos. Quando não está escrevendo, ela gosta de praticar ioga, tomar uma taça de vinho com as amigas e ler romances picantes.

Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...

A Garota do Calendário: Janeiro



Editora: Verus
Número de Páginas:144
Autora: Audrey Carlan
Ano de Lançamento: 2016
Nota: ⭐⭐⭐

Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível - desde que ela não se apaixone por ele.

Em Janeiro, conhecemos Mia, nossa personagem principal, uma mulher que precisa pagar a dívida do pai e, por isso, começa a trabalhar como acompanhante de luxo. 
Seu primeiro cliente é Wes, um homem charmoso e que adora sexo. 
É claro que, já no começo, percebemos onde isso vai dar. Mia começa a gostar de Wes e ele muda seu comportamento durante a história. Ele pede pra ela ficar, diz que paga a dívida e que eles podem viver juntos. Porém, Mia não aceita e decide ir para o cliente de Fevereiro, mas, antes disso, ela aproveita muuuito com Wes.

Neste primeiro livro, a autora nos deixa claro que as histórias acontecerão rapidamente e que nenhum plot twist (grande reviravolta na história) irá acontecer (pelo menos, não até onde eu li).
É uma história meio vaga, mas gostosa de ler. Todos os livros da série são bons para ler em apenas um dia e te tirar daquela ressaca literária.

A Garota do Calendário: Fevereiro


Editora: Verus
Número de Páginas:132
Autora: Audrey Carlan
Ano de Lançamento: 2016
Nota: ⭐⭐⭐

Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre.

Em Fevereiro, Mia conhece Alec, um artista francês que quer que ela seja sua musa.
Mia deverá posar para ele, deixar de lado sua vergonha e deixar rolar.
Alec é carinhoso, porém distante. Pensa muito no trabalho. Mas isso não os impede de aproveitar muito bem o tempo que conseguem ficar juntos. 
Mia ainda pensa em Wes e tem muita vontade de voltar para ele,afinal, ela tem a chave, a chave que abre bem mais que uma porta, mas ela deve continuar sua jornada para ajudar seu pai e, quem sabe, conhecer boas pessoas e aproveitar esse tempo da melhor maneira possível. 
Alec, na minha opinião, foi o que mais acrescentou na vida da Mia até agora (ainda prefiro o Wes, mas...), ele a ensinou que não importa quanto tempo você fica com uma pessoa, foi amor enquanto durou. 

"Assim, eu preciso te amar um pouco para querer estar com você dessa maneira. Mas ainda posso te amar e deixar você livre. Você vai levar o meu amor quando for embora. Para sempre. E esse pedaço do meu amor vai ser seu enquanto você viver. - Pág. 57

A Garota do Calendário: Março 


Editora: Verus
Número de Páginas:144
Autora: Audrey Carlan
Ano de Lançamento: 2016
Nota: ⭐⭐⭐

Mia vai passar o mês de março em Chicago com o empresário Anthony Fasano, que a contrata para fingir ser noiva dele. A princípio Mia não entende por que um homem tão lindo e másculo precisa de uma falsa noiva, mas ela está prestes a descobrir.

Desta vez, somos apresentados à Anthony Fasano, um empresário rico e lindo, mas que esconde um segredo de toda a família, amigos e imprensa: ele é gay. 
Sua mãe o pressiona para que ele se case e lhe dê netos, já que ele é o único filho homem e, se ele não tiver filhos, o sobrenome da família morrerá com ele. 
Mas ele é apaixonado por Hector e os dois vivem um romance de anos escondidos de todos.
Tony precisa de Mia para acalmar os nervos da mãe e para fazê-la acreditar que ele está noivo.
Porém, Mia se sente desconfortável com a situação, principalmente porque beijar Tony na frente de Hector não é fácil, já que os dois acabam virando amigos. 
Entre os três primeiros livros, esta foi a melhor história. Por mais que eu goste de Wes (Janeiro), o enredo de Março foi melhor estruturado (lembrando que é só a minha opinião!). 


Como disse anteriormente, são histórias para ler em um dia. Vou continuar com a série, um livro por mês, e, a cada 3 livros, venho informar se a história realmente melhora ou se todos são, de certa forma, livros eróticos bobinhos.

Ps: os livros contêm cenas claras de sexo, com algumas palavras bem "fortes" e um tanto quanto esquisitas. Rs

Comentários

Postagens mais visitadas